Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

UMA MÃE DE CORAÇÃO... e algo mais

Este blog, mais do que "mãe de coração" tem "fragmentos de uma vida comum". Uni os dois blogs e, aqui, falo de adopção em geral, da nossa experiência e de outros pedaços da minha vida.

UMA MÃE DE CORAÇÃO... e algo mais

Este blog, mais do que "mãe de coração" tem "fragmentos de uma vida comum". Uni os dois blogs e, aqui, falo de adopção em geral, da nossa experiência e de outros pedaços da minha vida.

13
Fev15

Comportamento abjecto

Aos 102 anos, idosa foi encontrada a viver num anexo da casa do neto. Partilhava o espaço com um cavalo e outros animais, entre lixo e sem qualquer condição de habitabilidade.


 


Há situações, que por mais voltas que dê ao cérebro, não consigo explicar a mim própria. Esta é uma delas. Posso até sentir alguma empatia por alguém que cuida de um idoso difícil. Hoje tenho uma visão muito diferente sobre a questão. Ainda que no meu caso não seja nada de especial, a verdade é que há dias e dias.


 


Agora o que leva alguém a tomar uma atitude destas é, realmente, algo que me ultrapassa. Já ouvi relatos de vizinhos que dizem que a senhora era uma pessoa com mau feitio e outros que falam em ganância dos cuidadores. Será que as pessoas não se ouvem quando falam? Estamos a falar de um ser humano, certo?


 


E onde estão os defensores dos direitos humanos? Certamente, se um presidiário fosse tratado desta forma numa cadeia, haveria muitas vozes indignadas a manifestar-se, tratando-se de assuntos de família ninguém se mete!!!


 


Como disse: há situações, que por mais voltas que dê ao cérebro, não consigo explicar a mim própria.


 


Continuo convencida que o nosso sistema judicial não serve os interesses da população em geral. Não pune nem reabilita ninguém! Cadeia, como temos no nosso país, parece-me local de férias para quem comete este (e outros) tipo de crimes.